quinta-feira, 11 de junho de 2015

As fases dos casais no Dia dos Namorados!

Recapitulando aqui um pouquinho de cada fase do dia dos namorados...que com o passar do tempo (afe, e passa rápido!) vai sofrendo alterações na hora da comemoração.

Imagem da internet

Dia dos namorados quando estamos solteiras e sozinhas:
Nem queremos lembrar que existe esse dia, pois é um horror ver suas amigas saindo para comemorar com os namorados (q raiva! kkkk) e tu lá sozinha em casa. Nem assistir televisão dá, já que a programação é toda voltada para casais.

Dia dos namorados solteiras e acompanhadas do namorado:
Love's in the air!! O que mais queremos é que chegue logo esse dia!  Fazemos uma baita programação para surpreender o namorado, pensamos muito e escolhemos com muito cuidado o presente dele, ficamos imaginando qual será o nosso presente (além das flores, claro, eu disse além!), compramos uma roupa nova para surpreender o amor, saímos para jantar no restaurante preferido.

Dia dos namorados casados e sem filhos:
Semanas antes já vamos programando a data, embora corremos o risco de ouvir do marido "ah mas nem somos mais namorados, agora somos casados", usamos várias técnicas para que ele se toque e faça alguma coisa, pensamos num presente útil e com a cara dele, pensamos no que vamos ganhar e dá uma certa agonia que ele deixe passar em branco, usamos as famosas indiretas para que tudo aconteça como planejado, ficamos na dúvida se saímos para jantar ou preparamos um jantarzinho especial em casa mesmo, tempo não falta para ficarmos agarradinhos e namorar.

Dia dos namorados casados e com filhos:
A gente não esquece a data e deseja profundamente fazer algo diferente. Qualquer coisa para não passar em branco. Mas o marido parece já não dar muito importância para isso (sacooooo!). Vamos de diretas mesmo (não dá pra correr riscos com as indiretas), desejamos um presente legal (será que vai ter presente?), mas ficamos na dúvida se compramos um também (sejamos honestas!). Preparamos um jantarzinho com vinho e "aquela" sobremesa para ser apreciado em casa mesmo. Com um pouquinho de criatividade (se ainda tivermos ânimo depois de um dia cansativo) fazemos desse momento algo único. Jantamos (com os filhos!), colocamos eles para dormir e depois tomamos um vinho assistindo um bom filme (torcendo para que eles não acordarem é claro!). Não demoramos para ir dormir também, porque haja pique para começar tudo no outro dia, principalmente se temos filhos pequenos que acordam com a corda toda! 

E com vocês, está tudo preparado já?! Boa comemoração!!

Bju,

Tati

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Compartilhe, comente!