sábado, 27 de junho de 2015

Incentive a autonomia dos filhos

Como vocês, enquanto mães ou pais, estão ajudando no desenvolvimento da autonomia dos seus filhos?


É desejo de todos os pais que os filhos cresçam e se tornem pessoas maduras, conscientes de suas atitudes e capazes de tomarem decisões tranquilas e responsáveis. Para que esse desejo se concretize, é muito importante estimular a autonomia dos pequenos desde cedo.
Desenvolver a autonomia de uma criança, não quer dizer que ela vai passar a mandar, a ter o controle. Longe disso. Significa que ela vai aprender a fazer suas próprias escolhas, de acordo com sua idade e sempre orientada pela família.
Sou a favor de estimular as crianças, desde pequenas, a executarem algumas pequenas tarefas sozinhas. Claro que elas precisam, primeiramente, ser orientadas e auxiliadas para que possam ter êxito futuro. Não estou falando aqui que uma criança deva tomar decisões importantes ou que ela deva ser capaz de realizar tarefas complicadas, sem intervenção de um adulto. 
Em muitas situações e por vários motivos, os pais acabam fazendo tudo por seus filhos. É a superproteção que tanto falam. Vestem, servem o prato de comida, pegam e levam um copo de água até onde o filho está, arrumam a cama, fazem o tema da escola (sim, tem pais que fazem!) e até montam os brinquedos de encaixe para eles. sem antes estimulá-los a fazer tentativas. São essas pequenas tarefas e situações diárias que mais me preocupa. Como pedagoga e professora já vi muitas crianças entrarem para a escola sem saber amarrar os tênis, outras totalmente dependentes na hora das refeições ou até mesmo para ir ao banheiro (sim novamente, isso também acontece!). 
O desenvolvimento da autonomia ocorre aos poucos, e ainda auxilia no desenvolvimento de outras áreas importantes, como o raciocínio lógico, a coordenação motora, a organização e a consciência dos próprios atos. Também ajuda a criança a lidar com a frustração, caso ela se arrependa de alguma escolha que tenha feito.
Mas, como podemos ajudar as crianças nesse processo?
Abrir espaços dentro de casa para que as crianças aprendam, possibilitar erros e acertos, criar incentivos, vai facilitar muito sua independência. Você pode, dentre algumas opções, pedir para seu filho fazer uma escolha. Por exemplo, dentre três opções de almoço propostas por você, pedir para que ela escolha a que mais lhe agrada. O que não dá é para uma criança escolher sempre o que vai comer, deixando de ter outras opções, pois provavelmente ele pedirá sempre o mesmo. 
Outra forma de incentivar a autonomia dos pequenos é pedir para que organizem os brinquedos.     Vocês podem combinar como farão, se guardarão tudo na mesma caixa ou se irão dividir por categorias.
Deixe seu filho mais solto, sempre observando a etapa que ele se encontra e sua idade. Será que não está na hora dele escovar os dentes sozinho? Estimule-o a se vestir sozinho também. Deixe um copo ou garrafinha de água sempre ao alcance dele. Separe uns minutos para brincar com ele durante o dia e o deixe decidir pela brincadeira. Converse muito com seu filho, ensine-o como fazer pequenas coisas, explique que as escolhas tem um ônus e um bônus, deixe ele falar e expressar sua opinião. Certamente vai fazer com que ele se sinta mais confiante. 
Oriente sempre! Com carinho e paciência as crianças vão aprendendo a se tornarem mais autônomas, e se sentindo mais confiantes também. Acredite no seu filho e não esqueça que novos desafios surgirão conforme o crescimento deles.
É fundamental dar raízes e orientar o vôo, sem cortas as asas dos filhos! 



5 comentários:

  1. Simplesmente ADOREI a sua postagem!
    Somos totalmente a favor do estímulo desde cedo, evitar a superproteção (para mim o maior erro de todos!!!) para o bem estar, amadurecimento e crescimento de nossos filhos!

    ResponderExcluir
  2. Aqui em casa autonomia é palavra de ordem. Desde pequenininhas as meninas tem tarefas e responsabilidades que vão aumentando com o passar do tempo. Adorei o post!

    Beijo,

    Clau

    ResponderExcluir
  3. Ótimo Post Tati, aqui sempre vou dando aos poucos autonomia para ele, percebendo aos poucos com a sua evolução até aonde podemos ir e o que deixar ou não fazer no momento

    Bjs Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso texto Tati!!! temos que dar desde cedo sim autonomia para nossos filhos, só assim eles crescerão confiantes! beijos
    fanny

    ResponderExcluir
  5. Adorei! Por aqui sempre que vejo que tem espaço para ela fazer alguma coisa a deixo fazer! Muito importante seu post!

    ResponderExcluir

Gostou? Compartilhe, comente!