quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Ministério da Saúde anuncia mudanças no calendário de vacinação

A partir dessa segunda-feira, dia 04 de janeiro, os postos de saúde já estão com novo calendário de vacinação para 2016.

Estão sendo alteradas doses de reforço para as vacinas infantis contra meningite e pneumonia, o esquema vacinal da poliomielite e as doses da HPV.

Confira as principais alterações:

Pólio (contra a paralisia infantil) - as doses  deixam de ser orais e passam a ser injetáveis. As gotinhas serão administradas nos reforços e nas campanhas de vacinação.
"A partir de agora, a criança recebe as três primeiras doses do esquema - aos dois, quatro e seis meses de vida - com a vacina inativada poliomielite (VIP), de forma injetável na prevenção contra a paralisia infantil, tendo em vista a proximidade da erradicação mundial da doença. No Brasil, o último caso foi em 1989."

Pneumocócica 10 valente (proteção contra a pneumonia) - passa a ser aplicada em 2 doses (antes eram 3), aos dois e quatro meses, seguida de reforço aos 12 meses, mas que pode ser realizado até os 4 anos.

Meningocócica C conjugada (proteção contra a meningite c) - o reforço passa a ser aplicado preferencialmente aos 12 meses (antes era aos 15 meses), mas pode ser feito até os 4 anos.

HPV - não será mais necessária a terceira dose da vacina. Meninas de 9 à 14 anos passam a receber 2 doses no intervalo de seis meses entre elas.



Fonte: Ministério da Saúde



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Compartilhe, comente!